31 de agosto de 2008

... OU
ACABARAM-SE AS FÉRIAS E AMANHÃ VOU TER QUE TRABALHAR QUE ME LIXO!

(colagem de srgarcia)

30 de agosto de 2008

FAR FAR
Far far, there's this little girl
She was praying for something to happen to her
Everyday she writes words and more words
Just to speak out the thoughts that keep floating inside
And she's strong when the dreams come cos' they
Take her, cover her, they are all over
The reality looks far now, but don't go

How can you stay outside?
There's a beautiful mess inside
How can you stay outside?
There's a beautiful mess inside

Far far, there's this little girl
She was praying for something good to happen to her
From time to time there're colors and shapes
Dazeling her eyes, tickeling her hands
They invent her a new world with
Oil skies and aquarel rivers
But don't you run away already
Please don't go

How can you stay outside?
There's a beautiful mess inside
How an you stay outside?
There's a beautiful mess inside
Take a deep breath and dive
There's a beautiful mess inside
How can you stay outside?
There's a beautiful mess
Beautiful mess inside

Oh beautiful, beautiful

Far far there's this little girl
She was praying for something big to happen to her
Every night she ears beautiful strange music
It's everywhere there's nowhere to hide
But if it fades she begs
"Oh lord don't take it from me, don't take it yourselves

"I guess i'll have to give it birth
To give it birth
I guess, i guess, i guess i have to give it birth
I guess i have to, have to give it birth
There's a beautiful mess inside and it's everywhere

So shake it yourself now deep inside
Deeper than you ever dared
Deeper than you ever dared
There's a beautiful mess inside
Beautiful mess inside


Yael Naim

29 de agosto de 2008

NÃO HÁ PACHORRA

Contrariamente à maioria das mulheres que conheço para quem uma ida ao cabeleireiro é como que um lavar de alma, para mim é quase como uma descida ao inferno (tirando a parte em que me lavam a cabeça, claro!)

Pior se torna se encontramos aquela conhecida quequérrima que não víamos há um par de anos…
Ela: Não nos víamos há imenso tempo, estás na mesma, super bem!
Eu: Pois é, tu também (apesar de teres mais uns 10 quilinhos)!
Ela: E o teu filho? Deve estar enormeeeee!!!! A minha está enoooormérrima, esteve em Milão a ver faculdades, p’ro ano vai p’ra lá estudar.
Eu: Calculo, deve estar enorme. Já o meu não sabe bem o que quer, desistiu da área em que estava quando faltava um mês para as aulas terminarem. Este ano matriculou-se num curso profissional de Teatro/ Interpretação (na escolinha aqui do burgo…Milão só mesmo vê-lo no mapa).

Depois o martírio das depilações e conversas de caca, intercaladas pelo barulho dos secadores...bzzummmmmmm...

…E as unhas!? É desta que arrisca o vermelho?
Eu: Naaaaaa!!!!!!! Ainda não me sinto preparada! Ponha lá aquela corzinha que não se nota mas que dá um ar muito saudável.

O mais divertido é mesmo meter o nariz nas revistas cor-de-rosa e descobrir as últimas do Castelo Branco; que o Júlio esteve a secar os seus calções de banho depois de um mergulho no mar; que o novo nariz da princesa lhe assenta que nem uma rainha; que a top model venezuelana teve mais um rebento e tal e tal e tal e tal….

Juízo teve o meu pai quando, aos 6 anos me levou ao barbeiro dele e me deu uma quase carecada, para que não tivesse que cortar o cabelo durante muito tempo.

Não sei não, cada vez me convenço mais que nasci com alguma costela de gajo…

que coisa, falta-me a pachorra!

28 de agosto de 2008

APETECIA-ME UM ABRACINHO!
(transparências)

27 de agosto de 2008

MAIL BOX

Cheguei à conclusão de que o desprazer de abrir a caixa de correio é proporcional ao aumento da idade.

Lembro-me, em miúda, de esperar ansiosamente que o carteiro chegasse na esperança que trouxesse um postal ilustrado, daqueles mesmo giros, vindos de longe, do estrangeiro…ou mesmo uma carta de algum amigo ou familiar que resolvesse partilhar por escrito novidades estonteantes.

À medida que crescemos foi-se esbatendo a magia da caixa de correio. Actualmente passou a ser um local a evitar, só visitado por obrigação ou em casos de extrema necessidade. Como tenho caixa postal, que fica a cerca de 100 metros de casa, só lá vou de 15 em 15 dias, por vezes depois de determinados prazos expirarem.

Escusado será dizer que hoje foi dia de MAIL BOX
diazinho tramado este!

26 de agosto de 2008

25 de agosto de 2008

HOMENAGEM

Ao telefone…
Mãe: Como vão as coisas e blá, blá, blá, blá, blá, blá????
Eu: Na mesma, normais e blá, blá, blá, blá, blá, blá…é verdade, o Diogo fez uma nova tatuagem.
Mãe: Ó valha-me Deus, esse miúdo nunca mais tem juízo?

Diogo a intrometer-se na conversa…
Diz à avó que lhe quero fazer uma homenagem, da próxima vez vou tatuar o nome dela no meu corpo”…podes crer, é a pessoa que mais gosto…não…É das pessoas que mais gosto! Não sei se hei-de escrever só o nome dela ou avó Lourdes…talvez faça no pulso…se sobrar um espacinho talvez ponha também o teu nome!”

Pensamentos meus:
Ninguém sabe mas desde que nasceste que te fiz uma homenagem, tatuei-te na alma…No corpo também! É uma tatuagem permanente e incolor, preenche-me todos os poros e está sempre em construção…há dias em que a tinta a entrar dói muito mais do que as outras, aquelas que se vêem.

Podes não saber mas o meu corpo tem sempre espaço para o teu nome!

Soluções Capilares

24 de agosto de 2008

RESUMO da semana em imagens

A cria insiste em pôr-me louca. Fez uma nova tatuagem!

Nas sessões de Reiki e a ADORAR.

A quase greve das tarefas domésticas teima em arrastar-se…

Chá e bolo de bolacha com uma deliciosa vista para o mar.

A gata Bia continua a atacar quase diariamente!

O tédio e a preguiça arrastammmmmm-se…...

A morrer de saudades....

KAMASUTRA NERD

23 de agosto de 2008

Já sei colocar hyperlinks :) :) :)

Que horror, já só faltam 8 dias para ter que aturar os caprichos desta "GAJA"!

DES_gostos ou NÃO_gostos

Lagartas das couves e outras que tais
Água fria no duche
Chantagens psicológicas
Pezinhos de coentrada, dobrada e afins
Ruído
Reuniões muito longas
Não controlar a minha impulsividade
Pessoas que me dão palmadinhas nas costas e usam os adjectivos “fofa”, “querida”, “amiguinha”…
Acordar cedo no Inverno
Passar a ferro
Carros a acelerar na MINHA rua
Perder o controlo de forma consciente
Tentativas de manipulação
Criancinhas e jovens mal-educados
Pagar impostos, contas de farmácia e de consultas médicas
Cheiro de charutos ou de qualquer tabaco aromático
Avarias nos electrodomésticos
……….

22 de agosto de 2008

GOSTOS

Viagens
Livros
Música

Cinema
Chocolates
Café
Bolachas Maria
Leite em pó mesmo em pó
A torta de atum da minha mãe
Caramelos espanhóis (aqueles duríssimos com pinhões)
Imperiais com risadas ao fim das tardes quentes
Dormir até TARDEEEEEEEEEE
Cores
Imagens
Fotografia
Estar em PAZZZZZZZZZ

...ficar sossegadinha

Esta tarde, estava para aqui a tentar ficar sossegadinha no meu cantinho de moradora a tempo inteiro, quando me apercebi das manifestações de alegria, algo estridentes, que vinham da casa ao lado…foi a gota de água que faltava para, finalmente, me convencer que sou a desgraçadinha aqui do burgo. É que todas as casotas aqui da rua (ruela, travessa, beco...pronto, reentrância) têm uma piscina excepto a minha.

Serve-me de consolo não ter a preocupação dos níveis do cloro e blá, blá, blá…a água a ficar esverdeada e blá, blá, blá….

(Querem mesmo a verdade? Ok, não sou de ferro! Quando os “bifes” fazem espalhafato aqui mesmo ao lado também me apetecia ter uma piscinazita)

18 de agosto de 2008

O BICHO HOMEM

Estas coisas do amor e da paixão têm muito que se lhes diga, deixam-nos aparvalhadas, taralhocas, obcecadas…mas a história de que o amor é cego não me convence. Por vezes poderemos tentar fintar-nos, fingir que não vemos o que é óbvio, driblar o que não nos agrada…mas cegar, jamais!!!!

Que porra, é como o vício do tabaco, basta estar acordada para que o raio do tal homem não me saia da cabeça…fico idiota mas, volto a insistir, não estou cega, tenho a perfeita noção do meu estado quase permanente de “aparvalhamento” agudo.

Há quem diga que não precisamos dos homens para nada.
De facto acho que consigo fazer QUASE tudo o que preciso sem um espécime masculino por perto e sobretudo sem ter que lavar mais cuecas, sem ter que controlar se há pingos na tampa da sanita nem mudar rolos de papel higiénico gastos por mãos alheias (para isso já me chega o projecto de homem que “dei à luz”)…adiante, quero com isto dizer que a mim me falta o QUASE…e que diferença este QUASE faz.

P’la parte que me toca, embora contrariada e “de rabo entre as pernas”, tenho que admitir, o bicho homem faz-me falta sim senhora!!!!!

17 de agosto de 2008

ÓCIO

Hoje NÃO FIZ ABSOLUTAMENTE NADA!!!!!!

Foi um verdadeiro dia de preguiça, desperdiçado, desinteressante…embrutecido. Passei quase todo o dia no quarto, fazendo apenas uns intervalecos, entre o dormitar e olhar para o PC, para tomar café. Não desfrutei do Solzinho nem da luz do dia…nem sequer me dei ao trabalho de fazer comida, petisquei porcarias para tapar os buraquinhos que me faziam lembrar que tinha estômago.
Dias há em que chamaria a isto o prazer do sossego, hoje, definitivamente, só me ocorre a palavra ÓCIO…tão estúpido que foi o dia que merece ser assinalado (como medida preventiva, para que não volte a acontecer tão cedo). O dia 17 de Agosto de 2008 fugiu-me por entre as mãos, varreu-se do calendário sem eu dar por isso…agora é que me apercebi que desperdicei um dia da minha vida e é tarde demais para o recuperar, não há volta a dar.

Prometo que amanhã vou fazer montes de coisas!!!!!!!

15 de agosto de 2008

14 de agosto de 2008

Ansiedade Pré-Laboral

Não sei se padecem da mesma doença que eu, ou se por ventura sofrem deste sintoma com tanta antecedência. Resumindo, faltam 15 dias para acabarem as férias e já estou a sofrer por antecipação.

Não é o trabalho em si que me deixa neste estado, ensinar adolescentes irreverentes até gosto, o problema é a parte burocrática, as resmas de papel e as horas perdidas a produzir documentos inúteis só para o "inglês" ver e porque o governo resolveu que os professores seriam as próximas vítimas.

Vamos ser avaliados!!!!!!!

Não é que isso me assuste...assusta-me ficar sem tempo para preparar aulas de qualidade...e sobretudo, assusta-me o facto de poder não ter tempo para ser uma mãe de qualidade.

A partir de 1 de Setembro sinto que vou (vamos) estar nos cornos do touro! Acho que tenho que começar já a praticar as pegas de caras, talvez com os meus cães...será que resulta!?

(Nota: Sou absolutamente contra as touradas!)

And that's it!

NA CORDA BAMBA

Sinto-me como uma artista de circo, a balançar numa corda bamba, sem saber ao certo onde colocar o próximo pé e sem a segurança de uma rede de protecção se me desiquilibrar e cair...sinto-me na dúvida, entre o avançar e o recuar. Não sei o que me vai acontecer num futuro próximo, aliás, nem sei o que me está a acontecer neste preciso momento. Não estou a conseguir planear a minha vida e isso, apesar de normalmente não me afectar, desta vez está a deixar-me virada do avesso.

Sinto-me feliz e ao mesmo tempo infeliz...não sei se estou a 8 ou a 80. Não sei que nome hei-de dar ao meu estado de alma. Sei apenas que gostava de lhe dar um nome, acho que ficaría muito melhor se pudesse dizer que estou depressiva, ou nostálgica, ou alegre, ou serena...

WAU...acho que acabei de descobrir...estou simplesmente CONFUSA!

(Pensamentos paralelos ou confissões de uma "jovem" em plena maturidade, como diria um amigo meu.)

12 de agosto de 2008

MODERNÍSSES

O meu filho hoje foi "pá night" com uns "red sun glasses" onde, no lugar das supostas lentes, se encontram assim umas risquinhas em plástico tipo persiana. Disse-me que são óptimos para se ler pois focam apenas uma linha.

Em Berlim experimentei uns, diga-se de passagem que não permitem que se veja a ponta de um corno (desculpem a expressão) com a luz do dia, quanto mais à noite.

Não sei se isto é sintomático da idade avançada, o certo é que fiquei com aquelas GAFAS horrorosas retidas na memória e estou deveras preocupada com com a integridade física do moço...calculo que a estas horas já tenha chocado com um sem número de pessoas, tropeçado milhentas vezes e quem sabe se não estará neste preciso instante estatelado ao comprido entre a multidão do tal concerto do DJ não sei das quantas.

MODERNÍSSES...

11 de agosto de 2008

FELIZ


Hoje, nem sei bem porquê, estou feliz!
Assim com aquele sorrizito idiota estampado na cara...

(Só pode ser porque tenho dentista à tarde)

10 de agosto de 2008

Para ir a correr...

À exposição do World Press Photo...já só até amanhã em Portimão. Desta vez com o destaque de um 3º lugar português, Miguel Barreira, na categoria "Sports".

9 de agosto de 2008

"NAUMAQUIA"

Acabei de chegar do "Festival da Sardinha"...o cheiro a peixe assado veio-me de tal forma colado à pele que já não sei o que fazer para me livrar dele (acho que a minha última hipótese é o esfregão verde da louça, até que me saia a pele). Não fui lá pelas sardinhas propriamente ditas mas sim para assistir quase à borla ao espectáculo "Naumaquia" do grupo catalão "El Fura del Baus". Estava farta de ouvir falar dos ditos cujos...pois sim, GOSTEI e RECOMENDO!

8 de agosto de 2008

GOSTO DE TI na mesma

Que se lixem as regras, as aparências e o politicamente correcto, GOSTO DE TI na mesma...sim, de TI!!!!!!
(Especialmente para ti!)

6 de agosto de 2008

BIA, A CAÇADORA

BOM DIAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!

Hoje tive um acordar um pouco conturbado. Assim que abri os olhos, a primeira coisa que vi foi um monte de penas soltas no chão, seguidas de um pássaro morto. Conhecedora deste tipo de situação pensei logo para com os meus botões, "a safada da gata Bia já atacou de novo!"...levantei-me e fui à casa de banho...UHGGGG!!!!!...um enorme rato morto em cima do meu tapete!!!!

Moro no campo e animalagem não falta nas redondezas, daí que uma das minhas gatas, a única caçadora, adore trazer-me prendas para que me delicie pela manhã, deixa-as sempre no meu quarto ou casa de banho (que fica dentro do mesmo)...ele são osgas sempre já sem a cauda, lagartixas, camaleões, pássaros, ratos do campo, libelinhas...

Obrigada Bia, adorei os presentes mas não precisavas de exagerar, deves ter tido montes de trabalho nesta caçada! Nem sei como te agradecer!?

Por enquanto ainda me encontro abananada e enojada sem saber ao certo o que fazer com eles, espero recompor-me muito em breve.

BOM DIA pra vocês também! ;)

4 de agosto de 2008

Botas BRANCAS


A pior coisa que me aconteceu no regresso da viagem a Berlim foi constatar...quando estava a desfazer a mala e me preparava para mostrar a minha maior compra (pelo menos no preço), umas fabulosas botas brancas, muito diferentes, muito in, compradas no bairro mais giro e alternativo da cidade, o Mitte...que as ditas botas, cuja decisão da compra levou 4 dias e a prova das mesmas 2 minutos...eram do mesmo pé, que ÓDIO!!!!!!! Fiquei pra morrer, completamente desvairada.

Por descargo de consciência procurei o talão por toda a parte e tal como calculava já o tinha deitado para o lixo, como é hábito (mas vai deixar de ser). O saco da loja não tinha nenhuma morada e apenas um nome idiota de 4 letras. Respirei fundo, disse para comigo "calma Ana, isto não te está a acontecer, tudo na vida tem uma solução!"

Nessa noite agarrei-me ao google com unhas e dentes durante horas...em vão. Por um acaso, resolvi ver o saldo a minha conta e lá vinha o maldito nome da loja das botas, dado que tinha pago com cartão. No dia seguinte, sexta, perdi mais 2 horas no google e finalmente encontrei, não só a morada como o número de telefone da loja e ainda uma fotografia com o local do crime.

Levei todo o sábado a ligar...nada! Domingo interrompi e hoje, segunda, voltei ao ataque. Respondeu-me uma rapariga simpática, tal como a que me vendeu as duas botas do mesmo pé, que me sugeriu que enviasse por correio a "mercadoria" e eles enviavam um par completo na volta do correio. Eu, desconfiada por natureza, não achei muito justo uma vez que o erro tinha sido deles e sugeri que se fizesse a troca ao contrário...primeiro eles e depois eu. A moçoila ia falar com o patrão e depois dava-me uma resposta...aguardo ansiosamente o desenrolar do mistério das botas brancas uma vez que calçar no pé esquerdo o que pertence ao direito nunca me deu muito jeito.


Conclusão: Quando comprarem umas "botas brancas"experimentem sempre o par nos dois pés, sobretudo se a loja ficar a mais de dois mil quilómetros de casa!!!!!!

3 de agosto de 2008

EMPTY

Estou numa daquelas fases de vazio absoluto…não sei porquê mas sinto que a palavra empty define na íntegra o meu estado…parece que estou assim numa espécie de limbo, entre isto e aquilo mas entretanto em lugar nenhum.
Apetece-me tudo e nada, tenho imensas coisas para fazer mas uma inércia medonha apoderou-se de mim desde a ponta dos cabelos aos dedos dos pés. A única coisa que parece funcionar é o cérebro que não pára de me atormentar.
Tenho vontade de escrever mas só me assolam pensamentos negativos, lamentos, angústias…estou num desassossego sossegado.
Não sei se estarei a terminar um ciclo da minha vida ou a começar outro, estou confusa…tenho a certeza de que melhores dias virão…ou serão piores!?

Só espero que estas palavras escritas consigam exorcizar parte das minhas inquietações!


obrigada pela visita!

pessoal que gosta de estar a par destas andanças

facebokiANOS a par desta coisa