26 de abril de 2010

a minha zona está em franca ascensão

Para que saibam, a minha zona encontra-se em franca ascensão. Já estou a imaginar a santa terrinha dentro de alguns anos, poucos talvez...conhecida pelo Intendente do Algarve.

Pois que temos a nossa primeira prostituta de esquina!
E é assim que se começa, meus amigos.

Andei a sondar a vizinhança sobre a modernice e apurei que é estrangeira e reside perto do local de trabalho. É portanto a nossa mais recente vizinha.

A mesma vizinhança (feminina) perante o tom divertido com que encarei a questão, anuiu que não acha piada nenhuma à coisa e que o meu ar de gozo se deve ao facto de não ter um homem em casa, pois caso contrário, estaria tão preocupada como elas, em deixar que os respectivos maridos fossem despejar o lixo no contentor em horas de expediente.

Cheira-me que mais dia menos dia, temos por aqui uma manifestação tipo "Mães de Bragança". Em pequena escala, claro está...porque o negócio ainda não floresceu o suficiente.

25 de abril de 2010

últimas sevilhadas em imagens, ou, esta agora tem a mania que é repórter









e PRONTES, como se diz aqui na minha zona!
(O cravo vermelho no cabelo, foi para encarnar o espírito da coisa...em Sevilha, sê sevilhana!)

Não me vou pôr com descrições, penso que as imagens falam por si. O ambiente que se vive nas festas sevilhanas, é realmente único! Os sacanas têm uma uma garra, uma alegria...

Não, não me esqueci do 25 de Abril!
Só lamento que não tivesse tomado um rumo diferente...

22 de abril de 2010

nada como uma mulher prevenida

Ora amanhã lá estarei a ver os guapos e as guapas, com interesse redobrado nos primeiros.

A beber tinto de verano, sangria, quiçá.

A comer puntillitas carregadas de óleo até que o estômago me implore tréguas de bandeira branca em riste.

Perguntais vós "Mas que raio! Esta agora não quer outra coisa?"

Pois que quero, quero muitas outras coisas também!

Acontece que sou uma mulher prevenida e como há sempre a hipótese de me poder cair um raio em cima do lombo num dos próximos dias...tenho que aproveitar enquanto ainda estou intacta.

19 de abril de 2010

maldito orgulho

A idade foi coisa que nunca me apoquentou. Contrariamente a um grande número de mulheres, nunca escondi a minha idade, não tapo essa informação quando apresento o BI e nunca me ocorreu roubar uns anitos àqueles que tenho.

Aquelas piadas do género, "então, fizeste 25, não foi!?", geralmente caem por terra no mesmo instante..."não! fiz mesmo 46!"

Portanto, como ia dizendo, a idade não me incomoda...

Já a porr@ das rugas que teimam em aparecer, principalmente as da zona do PRIDE (consultar imagem), dão-me cá uma raiva!

Mas quem me manda a mim ser tão orgulhosa!? IRRAAAAA!!!!!

16 de abril de 2010

notícias


Aquela coisa da rádio, lembram-se? Já está disponível...AQUI!

15 de abril de 2010

gostava tanto...

de ser uma fotógrafa de coisas!
Museu da Ocupação_Estónia

(vá, admito que também gostava de ser rica)

13 de abril de 2010

dia do beijo

Eu sabia, este tinha que ser um dia especial...

Assim sendo sai uma rodada para todos à conta da casa!

:)

12 de abril de 2010

Parabéns filhote safado!
(estamos a ficar velhotes)

8 de abril de 2010

o meu blogue nas andanças radiofonicas

A foto tirei ontem e não tem nada a ver com o assunto, mas achei que ficava bem...

Há cerca de duas semanas recebi um comentário, sobre uns e-mails que me enviaram e que não recebi, depois de algumas tentativas, lá chegou. Era da Rádio Comercial a perguntar se sempre queria que o meu blogue desse um programa de rádio.

Ora eu que nem me lembrava que tal coisa existia, fui logo averiguar e como achei piada, respondi que sim, perguntando em simultâneo, como raio o olhARES foi parar a estas andanças. Vai daí que a produtora (simpática, pois então) me informou que alguém me inscreveu (com os meus dados incompletos, desde já informo).

Assim sendo, "O meu Blogue Dava Um Programa de Rádio", deste sábado, entre as 22 e as 23h, com repetição no domingo às 9h, vai estar (talvez mal)ocupado com os meus duvidosos posts.

Se tiverem paciência para me ler com som...estão desafiados!

AINDA ESTOU PARA SABER
QUEM FOI O/A
ENGRAÇADINHO/A!!!!!!??????
HUMMMMMMMMMMM.........


7 de abril de 2010

olhares ternos de pálpebras cerradas

Impossível repetir a expressão de ser-se mãe pela primeira vez...

Estas são as minhas meninas!

A sobrinha, um pouco irmã, um pouco filha e GRANDEEEEEE amiga e a minha, quase, quase, novinha em folha, sobrinha-NETA.


Falha minha, ainda não lhes ter contado. esperei pelo momento exacto...hoje, nem sei bem porquê, fi-lo porque estou feliz!

6 de abril de 2010

ole, ole

Não raras vezes me surpreendo comigo própria...devo ter alguma falha, talvez um qualquer síndrome raro que me mantém a ingenuidade de criança intacta (em determinados assuntos, não exageremos!).

Não preciso de grandes planos ou artefactos para ficar numa excitação que só visto. Tal como um puto a quem é oferecido um chupa-chupa rasca mas muito colorido, também eu consigo ficar na maior felicidade à vista de pequenas viagens, quando o assunto em questão é o "estrangeiro". Ainda que esse mesmo estrangeiro fique quase ao lado de casa e que a viagem dure apenas um ou dois dias. Ainda que a estadia de uma noite seja numa camarata compartida por seis pessoas e a viagem seja com cinco manfios apertadinhos num Smart(de 5 portas, calma lá!).

Tenho sempre a sensação de que a proporção do sucesso da aventura é sempre maior quanto menor forem as regalias e mordomias.

Já tive o prazer de ficar em grandes hotéis, comer em magníficos restaurantes...e gostei, gostei bastante na altura. Se os trocava pelos sítios "manhosos" por onde me tenho passeado nos últimos anos, não sei, não sei...acho que não!

Será pancada minha? Nãaaaaaaaa! Acham!?

A perspectiva de ouvir outros sons, de provar outros sabores e observar outras "faunas", dá cabo de mim! Não me deixa espaço para outras ninharias que não sejam os planos do que vou fazer, ver e sentir.

Sevilla me la espera! Para mí es que me encanta !!!!!!!!!!!!
(tradução da responsabilidade do Google Tradutor, se estiver errada, não tenho nada a ver com isso)

3 de abril de 2010

ora vamos lá falar de um assunto polémico…

TATUAGENS (piercings, túneis e afins)

Se fossem pais de adolescentes já para o crescidote, até que ponto deixavam que os vossos filhos se "enfeitassem" com estas manifestações tribais?

Aconselhavam, ou proibiam?

Faz-vos confusão verem um jovem marcado por estes artefactos?

Um jovem limpinho de "riscos e furos" é mais atinadinho, melhor pessoa, menos bandido? Mais amigo das plantas e dos animais?

Se vos entrar um puto destes no local de trabalho, torcem o nariz e temem que vos roube a caixa dos clips?

Acham que os pais que permitem estes devaneios têm menos juízo que os filhos?

POISSSSSSS……….

A prenda de anos que o meu filho tem escolhido de há 3 anos a esta parte, tem sido, invariavelmente, mais riscos nos braços.

Se me faz confusão? Admito que alguma.

Se sou contra ou a favor? Não me pronuncio.

Se gosto? Para que é que isso interessa, se ele é que tem de gostar.

Se me assusta imaginá-lo um adulto arrependido das marcas que fez no corpo? Nem por isso, nessa altura, as "borrachas" para o corpo já são mais baratinhas e o problema é dele.

Se detesto preconceitos? Detesto!

Se me incomoda sentir os olhares de lado, os comentários entre dentes e os rótulos que lhe impõem logo à partida sem o conhecerem? Nem por isso, até acho graça…tadinhos!


Desta vez foram umas riscas, tipo pulseiras que se usam diariamente sem ter que abrir a caixa das jóias e, o nome da avó que adora, no pulso (quem diria à primeira vista que este "bandido perigoso" é um sentimentalão).

Tenho pena de vos desiludir,

mas nós por cá somos assim,

um BOCADINHO diferentes, coisa pouca!


*tenho a leve sensação de que é desta que perco a clientela toda, porque será!?


2 de abril de 2010

stacey kent

Acabei de vir daqui!

Podem ouvir uma amostrinha, aqui mesmo!

Sim, sou uma sortuda!


obrigada pela visita!

pessoal que gosta de estar a par destas andanças

facebokiANOS a par desta coisa