23 de setembro de 2011

era uma vez uma glândula supra-renal que além de ser de direita é completamente parva



quando atingimos uma certa idade, os srs. doutores resolvem checkar-nos as entranhas na ânsia de nos descobrir maleitas que lhes garantam o trabalho (nada contra, que eu cá até gosto bastante de alguns médicos…de outros, nem por isso).

nestas minhas andanças, esgravataram-me imensas coisas e descobriram, pasme-se, uma glândula supra-renal direita com uma grande bola de ping-pong, ou de golf, a ocupar todo o espaço que era suposto estar livre. ora logo a mim que me havia de acontecer esta porr@, eu que nem tinha conhecimento deste dito órgão, pequenito mas MUITO marafado, que controla imensas coisas chatas. 

a partir daí, são exames para aqui e para acolá, tudo certinho,massssss….faça lá mais uma vez. será que essas fraquezas poderão ser efeitos colaterais, e as tonturas e o estado de ansiedade…poderão ser, ou talvez não!? também poderão ser efeitos colaterais da falta do pagamento da mensalidade que o pai achou que não devia continuar a enviar ao filho (embora ele ainda dependa de nós e ainda respire)…
tudo se mistura, tudo se confunde, tudo me lixa!

daí que, em princípio, vá ser operada, para retirar o raio da glândula direita (eu que sempre fui de esquerda) e livrar-me das duvidas  todas.

pior mesmo é que tenho aversão a cicatrizes!


*ando com uns desabafos chatos. não consigo ficar calada. Tenho que exorcizar os meus fantasmas porque não me apetece implodir.


NOTA IMPORTANTE: não são obrigados a ler estas coisas chatas!

4 comentários:

Anónimo disse...

Cristina, se gaja é "de direita" nunca te poderá fazer bem, ignora a cicatriz ou então exibe-a como troféu - foi por aqui que expulsei "a direita" que me queria lixar! Existem efectivamente pais que gostam muito dos filhos, lutam muito pelos filhos e até lhes dão presentes caríssimos quando no outro lado nem é possível equacioná-los e entregam-nos nas alturas mais impróprias (quando por exemplo estão a não merecê-lo por qualquer comportamento a corrigir!) É de praxe e chateia um bocado. Mas quando o objecto de todo esse amor cumpre os 18 anos, normalmente tudo se "esvai"... E não há "cirurgia" que conserte estes cérebros "tortos"! Goza mas não brinques com a tua glândula e trata disso! Beijinho
Élia

Ana V. disse...

Caraças que raio de coisas descobrem esses gajos os médicos.

Tenho andado a adiar uma visita esses gajos porque não me apetece ser proprietária de coisa alguma. Ando numa de avestruz! médicos e hospitais NÃO.

Quanto ao pai da criança. Sei que é duro para o coração de mãe mas elas deviam ter coragem de deixar os filhos à porta dos progenitores para eles tomarem consciência do custo que um espermatozóide pode alcançar quando tem que vestir calçar e comer. Verias que num instante o valor da pensão de alimentos era aumentado.

As melhoras

Dylan disse...

Essas glândulas tem ligação directa com a parte hormonal. Talvez por isso andes tão irritada e não te apeteça ficar calada.:)

Quanto ao "pai", ele que reveja esse conceito pois parece que anda um bocado confuso...

[alguma coisa, já sabes....]

Pollykc disse...

a cicatriz é um mal menor. tenho uma mesmo no pescoço, quando a tiróide resolveu pregar-me uma partida.
o que importa é termos saúde!


obrigada pela visita!

pessoal que gosta de estar a par destas andanças

facebokiANOS a par desta coisa