16 de janeiro de 2009

O "Artista" que matou um cão à fome



















Estou chocada, indignada, revoltada...


Passo a transcrever um email que acabo de receber.
"Como muitos devem saber e até ter protestado, em 2007,Guillermo Vargas Habacuc, um suposto artista, colheu um cão abandonado de rua, atou-o a uma corda curtíssima na parede de uma galeria de arte e ali o deixou, a morrer lentamente de fome e sede.Durante vários dias, tanto o autor de semelhante crueldade, como os visitantes da galeria de arte presenciaram impassíveis à agonia do pobre animal.Até que finalmente morreu de inanição, seguramente depois de ter passado por um doloroso, absurdo e incompreensível calvário.A prestigiosa Bienal Centroamericana de Arte decidiu, incompreensivelmente, que a selvajaria que acabava de ser cometida por tal sujeito era arte, e deste modo tão incompreensível Guillermo Vargas Habacuc foi convidado a repetir a sua cruel acção na dita Bienal em 2009.Facto que podemos tentar impedir, colaborando com a assinatura nesta petição"
Se colocarem o nome do "artista, vulgo, deste filho da puta" no Google, saem as fotos deste pobre animal e seguramente também aparecerão páginas web onde poderão confirmar a veracidade da informação.
(O texto a itálico é uma transcrição)

15 comentários:

redjan disse...

Já assinei ...

Bosta de mundo com gente desta, ninguém deu um borracho ao fdp e tentu sacar o cão dali?
E que merda de gente pára para ... ver aquilo?

Ana GG disse...

redjan
Às vezes tenho dificuldade em compreender a raça humana.

mfc disse...

Este tipo é um nojo!
... um verme.

mfc disse...

Tá assinado.

Ana GG disse...

mfc
Verme é mesmo o termo!

Silvia F. disse...

Lembro-me perfeitamente deste caso e ter assinado uma petição na altura para acabar com este (que considero) crime. Aliás, se não estou em erro, era suposto esse c*brão ter sofrido uma pena pesada mas infelizmente pelo que percebi, como sempre, nada foi feito.
Já assinei esta petição, óbvio. Um bomba-suicida não lhe rebentar com os c*rnos a ele e aos visitantes que foram ver essa tortura sem nada fazer!

Beijinhos Ana (desculpa a linguagem!)

redjan disse...

Verme ? Então não é aqui que empregamos o ' filho da puta ' tão bem ?

Ana GG disse...

Silvia
Eu desconhecia completamente este episódio triste. Esta merda deixa-me tão chocada que nem imaginas...não consigo MESMO compreender como alguém pode fazer tamanha crueldade e intitulá-la de arte e pior ainda, uma bienal conceituada aceitar tamanha barbaridade e ainda querer repetir a façanha. O que a merda da ganância faz...

beijinho

Ana GG disse...

redjan
É concerteza um filho da puta de um verme!
Entre um e outro venha o diabo e escolha.

O diabo está nos detalhes disse...

este email ainda anda a correr??

Ana GG disse...

O diabo....
Bem vindo!

Penso que sim. Eu recebi-o no domingo.
(Refere-se à intenção da repetição da barbaridade em 2009)

Redrum disse...

Cara Ana
Enquanto navegava pela net vim aqui parar por acaso.
Já estou farto de ouvir esta história absurda.
por acaso ontem até fiz um post à cerca deste assunto.
Surpreende-me que tu que até dever ter alguma formação artística deves saber como o mundo da arte funciona.
Sem queres ofender era mais vantajoso utilizares o teu tempo a pensar no que lês do que assinar petições sem sentido ou escrever sobre o que não estás informada.
deixo o link para o post que eu fiz:
http://asdeespadas666.blogspot.com/2009/01/guillermo-habacuc-vargas.html
Mudando de assunto
Tens um blog engraçado.

Cumprimentos

Ana GG disse...

Redrum
Ainda que só por acaso e por motivos de discórdia, bem vindo ao meu espaço.

Para que saibas eu utilizo também o meu tempo a pensar...no que leio e no que "vejo".

Quanto à informação, que dás no teu post, não retira em nada a ideia que tenho formada, a indignação que sinto e o meu direito de intervir.

Talvez um dos dois tenha que rever o conceito de arte.
A resposta ao comentário está no teu blogue.

P.S. Obrigada pelo "tens um blogue engraçado".

Redrum disse...

De facto acolher um cão abandonado e alimenta-lo é mesmo bárbaro.
Claro que ele se aproveitou do animal para passar a sua mensagem mas o cão também nesses dias não passou frio nem fome ficaram os 2n a ganhar.
Como ele próprio disse a intenção foi «constatar a hipocrisia alheia: um animal torna-se o foco de atenção quando o coloco num local onde as pessoas esperam ver arte, mas não quando está no meio da rua, morto de fome»
Isto é que eu acho realmente bárbaro...morre milhares de cão abandonados na rua é estatística morre um numa galeria de arte é uma tragédia.
Fica aí outro artigo interessante que achei:
http://bitaites.org/cromos/tu-es-o-que-les-habacuc-tem-razao

Ana GG disse...

Redrum
Não se constata a hipocrisia alheia assim, desta forma.
Continuo a afirmar que foi um acto bárbaro, tal como seria expor um ser humano sub-nutrido numa galeria para alertar quem quer que fosse para a hipocrisia alheia.
A verocidade dos factos!? Não se sabe ao certo...tal como tu próprio afirmas dizes não se deve acreditar em tudo o que se lê.

EU, tenho vários animais e, sim, tento fazer o que posso por aqueles com que me cruzo na rua. Isso dá-me o direito de opinar no meu blogue!
Sou uma das tais "amiguinhas" dos animais e também dos seres humanos.

Pela minha parte este assunto está encerrado. Não tenciono ficar aqui a discutir o sexo dos anjos.

P.S. Se o assunto te incomoda tanto, sugiro que faças tu próprio uma petição a favor do senhor...


obrigada pela visita!

pessoal que gosta de estar a par destas andanças

facebokiANOS a par desta coisa